[Livros em série] Mistborn 2 – O poço da ascensão

Olá genten!!

Terminado o segundo livro da série Mistborn! E que livro!

O Poço da Ascensão

~Sem Spoiler~

Bom, para quem não leu o primeiro livro ainda, mas quer saber se o segundo é bom…posso dizer que sim! Muitas coisas acontecem nesse segundo, e nesse livro conhecemos melhor sobre o que aconteceu no mundo antes do Senhor Soberano (o rei tirano) aparecer.

Devo dizer ainda que protagonista da série passa a focar em Vin, e não em Kelsier. A Vin sempre foi a protagonista, claro, mas no primeiro livro tínhamos muito do Kelsier, o que deixa de acontecer nesse livro.

Ah sim, guerras estão sendo travadas, ideologias, e mesmo vemos melhor as complexidades de alguns personagens nesse livro, como da Vin mesmo, por querer se conhecer melhor e entender seu papel.

Vale a pena continuar, após ler o primeiro? Ah, com certeza vale!! Por mais maçante que possa parecer no início desse livro, reviravoltas e descobrimentos começam a acontecer que te prendem uma hora! E sim, irei ler o terceiro e concluir a série.

~Para quem leu o 1º livro~

O Império FinalBom, agora vamos mesclar tudo!!

Como dito em cima, depois do que houve com Kelsier, o foco passou a ser a Vin de vez. No começo eu até estava bastante com pé atrás, porque a Vin não era uma personagem que me cativou…queria conhecer mais o Kelsier, ainda mais depois dele lutando com o Inquisidor. Poxa, ele é O cara!! Aí me apronta uma dessas e pah! Morreu…enfim…Vin ainda não me cativou 100%, mas comecei a gostar mais dela conforme avançava na leitura. Achei ela nesse livro bem melhor que no anterior. Aqui as preocupações dela são outras, em relação ao papel dela, em relação à Elend, em relação a forma como Kelsier era e o que ela quer ser. Junto temos narração de Elend e Sazed.

Elend procurando formas de liderar Luthadel sem se tornar um tirano, sem deixar de lado seus princípios, ao mesmo tempo que, com ajuda de outra terrisana, aprende a ter uma postura de Rei de verdade. E ele debatendo sobre isso durante o livro, até o momento que começa a equilibrar tudo, é bem interessante. Ele amadurece.

Sazed após a queda do Soberano, começa a viajar para passar aos outros povos o que ele guarda da religião deles, entre outros conhecimentos. Mas chega um momento que Sazed teve que retornar à Luthadel, e embarcar num estudo sobre o passado, sobre as Profundezas e o Herói das Eras. Esses estudos me prenderam, porque juntamente com Sazed, eu queria saber raios o que são as Profundezas, o que aconteceu no Poço e o poder dentro dele. Fora isso, conhecemos muito mais sobre Sazed! E sim, ele é um personagem que gosto muito. Ele debatendo suas ideias e sendo um pilar de apoio para outros personagens…e o final…vamos ver como ficará no próximo livro.

Ah! Demorou um pouco para tudo explodir, e como falei, o começo foi meio maçante, mas valeu a pena. Também vamos conhecer mais sobre kandras, que aparece no primeiro livro e fica ao lado de Vin…e aparecem os koloss, outra criatura estranha x-x’ Na verdade, terrível…x-x”

E Zane, um personagem que me intrigou desde o começo, mas sinceramente…eu entendi o papel dele na história, como um apoio para Vin e tudo o mais, mas olha eu esperava mais dele, para a série como um todo.

Eu me perdia um pouco nas cenas de ação, esse negócio de empurrar, lançar, puxar…mas se isso pega no primeiro, nesse segundo livro ficou mais fácil, questão de costume mesmo, eu creio.

Vale a pena? SIM!! Em breve irei ler o terceiro e contar o que achei da série como um todo, beleza?

Aé mais genten!!

Anúncios

[Livros em Série] Ladrões de Sonho

Hello genteeen!!

Hoje vim trazer o segundo livro da série de Maggie Stiefvater!! Prometo passar sem spoilers!

LADROES_DE_SONHOS

Esse segundo livro da série foi, pra mim, ainda melhor que o primeiro!

No primeiro livro, a gente é apresentado à série, conhecemos um pouco sobre cada personagem e o sobrenatural envolvido. Nesse segundo, somos um pouco mais aprofundados em relação à algumas coisas.

Primeiro, esse segundo livro devo dizer que está focado em Ronan Lynch. Conhecemos ele no primeiro como um cara durão, intimidador, com cara de poucos amigos…( e por aí vai…). Nesse segundo a gente descobre que ele é mais que isso, possui seus medos, suas inseguranças…conhecemos mais o passado dele e a relação dele com…sonhos. E olha, achei essa parte dos sonhos bem interessante!

E aí vem a parte do Adam Parrish. Adam, depois do acontecido no primeiro, torna-se o revoltado do grupo. Já não se mostra mais presente como antes, e se deixa explodir em mais de uma ocasião. Nesse livro também descobrimos que Adam tem um papel fundamental em tudo o que está acontecendo ou que virá a acontecer.

Gansey é o Gansey. Nesse livro também vemos que nem sempre ele é centrado, já que assim como Adam, perdeu a paciência e mesmo mostrou um outro lado seu. E vemos como ele sempre que carrega o mundo em suas costas.

Noah já devo dizer que não se destaca nesse livro…aparece ali pra ficar do lado de Ronan e protagonizou uma cena interessante com Blue, que apesar de estranha, achei fofa. XDD

Blue é demais! Uma figura feminina que ainda se mostra forte como no primeiro. Gostei ainda mais dela agora!

Gente…estou adorando a série! Surgiu um personagem secundário aqui conhecido como Homem Cinzento que achei bem interessante! Também o sobrenatural do livro evoluiu um pouco mais, então devo aguardar que o terceiro terá ainda mais disso.

A escrita de Maggie não decepciona. É aquilo, o primeiro foi ótimo sim, e o segundo soube elevar o nível!

Já faz um tempo que escrevi sobre o primeiro por aqui, e demorei pra decidir ler o segundo…sempre revezo muito os livros! Não vai ser agora que irei ler o terceiro…pois depois de uma fantasia, estou embarcando em um romance…mas como estou curiosa, acho que logo logo pego pra ler o terceiro e venho contar aqui pra vocês o que achei!

Por hoje é isso!!

[Livros em Série] Princesa de Papel

Os Royal chegando!!!

Princesa de Papel

Livro: Princesa de Papel
Autor: Erin Watt (Jen Frederick, Elle Kennedy)
Série The Royals
Editora: Planeta (selo Essência)
Páginas: 368

Esse livro aqui vai nos contar a história de Ella Harper. Com dezessete anos, Ella tem que trabalhar como stripper para se sustentar após ter perdido sua mãe e para poder continuar a estudar. A vida com sua mãe não era nada fácil. Sua mãe já trabalhava como stripper para pagar as contas, e ambas viviam mudando de cidade quando algo dava errado. No último ano, por conta de uma doença, mãe de Ella falece, e ela passa a ser sozinha, já que nem sabe quem é seu pai.

Tudo muda quando Callum Royal vai atrás de Ella. Callum afirma ser amigo do pai de Ella e que está ali para ajudá-la. Primeiro momento, Ella foge…mas né? Callum vai atrás dela e a convence a ir com ele. É assim que Ella vai parar na mansão dos Royals. Claro que pra ela não é fácil aceitar tudo que Callum conta…ela fica com um pé atrás…e aceita morar lá até que consiga juntar dinheiro, pois se precisar fugir, terá condições.

Fugir por que? Bom, Ella conhece os outros Royals, filhos de Callum…Gideon, Reed, Easton e os gêmeos Sawyer e Sebastian. Mesmo com a promessa de seu tutor de que poderá estudar, terá tudo o que quiser, desde que more ali…não é tão simples assim. Os cinco irmãos parecem não suportar a presença de Ella ali e a ofendem de várias maneiras, mandam e desmandam, tudo para que ela decida fugir dali.

Pensa que Ella deu o braço a torcer? Nãaaaaaaao! Ella já enfrentou coisas piores, e mesmo com a escola contra ela, sob as ordens de Reed, que é o bad boy que manda em tudo, ela permanece de cabeça erguida e não desiste.

Bom…inicialmente diria que a trama é essa…veremos Ella entrando nessa sua nova fase de vida, tentando se encaixar em um mundo de riquezas totalmente diferente do que ela viveu até então, enfrentando os irmãos Royals…

Ella é uma personagem forte, persistente e tem aquelas tiradas sarcásticas dela que você adora ver! Ela não se permite abalar, e mesmo quando isso acontece, ela se levanta rápido. Reed é o que manda em tudo, o bad boy bonitão e gostosão que todas querem. Na verdade a parte de bonitão descreve os 5 pelo visto…hahahhaa! Pelo menos é isso que o livro nos permite entender. Easton é o que se torna mais engraçado com o tempo…Gideon parece ser o mais sensato…e os gêmes…bom sobre eles não tenho muito a dizer até agora.

Algumas cenas do livro tem sim uma conotação mais sexual e talz…mas não chegou a me incomodar…quer dizer, uma delas me irritou muito! Mas não diria que atrapalhou minha leitura. De forma geral, o livro é clichê, coisas que são meio difíceis de engolir, do tipo…esse tipo de coisa não acontece! O romance do livro…sei não, o que Ella sente é bem mais carnal…é o que me pareceu…

Também vale levar em consideração sobre temas que o livro aborda que não devem ser vistos assim na vida real, ok? Por exemplo, esse lance de Ella se apaixonar por Reed, o cara que a trata tão mal…sei sim que isso acontece, mas quem ler, não pense que um cara assim vai mudar de uma hora para outra. Outra coisa é sobre como os abusos sexuais aqui são tratados…e a vingança de Ella, olha isso é bem complicado e em meu ponto de vista não foi certo, mas acredito que as autoras queriam uma personagem que mexesse com todos os garotos ricos e mimados…e isso elas conseguiram.

 

Depois disso tudo, do clichê, do previsível e talz…eu vou continuar com a série? Pretendo sim, porque eu gostei! Não dou certeza, porque né? Podem aparecer livros muito melhores pela frente. Sabe aqueles romances toscos, mas que a gente gosta? É beeeem isso! Se você está esperando algo mais elaborado, ou algo como “A Seleção”, ou quem sabe ” A Joia”, esquece…leia esse livro sabendo que está longe disso, ok?

É isso gente! Ah vale comentar que o Segundo livro da série já está em pré-venda!!!

#Livro 05/2017 – Os 13 Porquês by Jay Asher

13pq.png

Título: Os 13 Porquês

Autor: Jay Asher

Editora: Ática

Páginas: 256

 

Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker – uma colega de classe e antiga paquera -, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento. (retirado do skoob).

Olá, kika desu!~

Hoje trago para vocês a resenha de um livro que eu havia lido já tem um tempo, mas que resolvi reler tendo em vista sua adaptação em uma série, que está por vir.

O livro ‘Os 13 Porquês’ conta a história de Clay Jansen, um menino que está no ensino médio e que acaba de receber em seua casa, um pacote contendo 13 fitas cassetes. De acordo com o que lhe é informado no pacote, essas fitas foram gravadas pro Hannah, uma menina com que Clay estudava, que cometeu suicídio a apenas duas semanas do dia em que Clay veio a receber o tal pacote.

Aparentemente, nessas 13 fitas cassetes, Clay vai encontrar, através das palavras de Hannah, os motivos pelo qual ela fez tal escolha. Ela informa ainda que cada fita é feita sobre uma pessoa que poderia ser o motivo – através de suas atitudes – para que ela decidisse que viver não fazia mais sentido.

Clay deve ouvir as fitas e depois passar o pacote para a próxima pessoa da lista, ficando claro assim que outras pessoas as ouviram antes dele.

Clay então passa a visitar os lugares que Hannah menciona, passando a enxergá-la nas situações descritas nas fitas, ficando claro ao leitor que ele nutria um sentimento maior do que amizade por ela, mas que nunca foi capaz de expressar seus sentimentos.

Ele aprende sobre as pessoas que fizeram maldades contra ela, sobre suas frustrações e suas dificuldades em conseguir se expressar, e ainda, as consequências dessa timidez.

O livro é muito sensível, ainda mais por se tratar de um assunto tão delicado, ainda mais pela visão de uma pessoa que era próxima a quem tirou a própria vida, vivendo os passos que a levaram à trágica escolha. Fora o sentimento de: ‘quem mais ouviu essas fitas?’, ‘tal pessoa está me olhando por que ela sabe?’, etc.

Além disso, a dinâmica do livro é muito interessante, intercalando as gravações de Hannah com os pensamentos de Clay e ainda, o que este pensa a respeito das gravações de Hannah, bem como o que este acha das informações que esta lhe fornece nas fitas.

O livro é de uma leitura simples, que flui de forma rápida, tanto que quando você percebe, o livro já está acabando. A forma como ele é narrado influencia nessa facilidade de leitura, tornando-a, se é que posso dizer, agradável –  no sentido de se ler, entender e de forma rápida e simples.

A temática do livro é um grande alerta, principalmente para os adolescentes, que querendo ou não, passam por uma das fases mais difíceis de ser vivida. A fase das críticas, do querer ser alguém dentre todos, o de querer ser popular e a necessidade de se enquadrar e agradar. As palavras de Hannah nos mostram que às vezes, se é necessário falar aquilo que está em nossas mentes e coração, com sinceridade, como uma forma de extravasar as angústias que possam ferir nossos sentimentos, trazendo sofrimento.

O tema é um tópico sensível para mim por muitos motivos. Além disso, quando li outros livros da temática, sempre tive grandes críticas à forma como essa foi abordada. ‘Os 13 Porquês’ é um livro que abordou a temática de uma forma e visão diferente, interessante.

– 13 Reasons Why –

13reasonsposter.jpg

Como eu já havia comentado, a NetFlix vai lançar uma série baseada nesse livro, ’13 Reasons Why’, que está com sua estréia marcada para o dia 31 de março de 2017, em seu site de serviço de streaming.

No post anterior, comentei sobre a sinopse da série e o trailer que havia sido divulgado. Você pode conferir aqui! E, Aproveitando o post sobre o livro, trouxe algumas informações sobre a série também.

A produção executiva é de Tom MacCarthy, Kristel Laiblin e Selena Gomez. Clay Jensen será interpretado por Dylan Minnette e Hannah Baker por Katherine Larford.

A NetFlix divulgou ainda, no dia 16 de março, um vídeo com algumas cenas do seriado e algumas informações dos bastidores, em que temos os atores falando sobre seus personagens e sobre a história!

Você pode conferir o vídeo aqui embaixo:

 

[Séries Baseadas em Livros] 13 Reasons Why

Olá, its kika again!~

Hoje venho aqui com um post um pouquinho diferente! – Aliás, eu deveria estar postando a ‘retrospectiva’ do mês de fevereiro, mas o mês foi tão fraco no quesito leituras, que to adiando ter que escrever sobre ele lol –

E mais, esse post está sendo escrito porque a Netflix divulgou o trailer do seu novo seriado que estreia dia 31 desse mês. E ora pois, o seriado “13 Reasons Why” é baseado no livro de mesmo nome, ou em português, “Os 13 Porquês”, do autor Jay Asher, que conta a história de Clay Jensen, um menino que encontra uma caixa misteriosa contendo diversas fitas dentro, tendo essas sido gravadas pro Hannah Baker, uma menina que estudava com ele, e com quem possuía de certa forma um relação especial, e que cometera suicídio a poucos dias.

Devo dizer que o livro tem uma história bem impactante, tratando do tema suicídio de uma forma e perspectiva diferente. Ele não traz a história de um personagem que tirou a própria vida, mas sim a história de uma pessoa que conviveu com ela, e que agora, vai enxergar o mundo por seus olhos, por seus motivos, por seus 13 porquês.

Fui procurar a resenha do livro no blog para linkar aqui, e tinha certeza que já havia escrito sobre o livro, até descobrir que li ele em 2014, tempos antes do blog sequer existir. Então, desde o anúncio da série, peguei pra reler o livro, antes que ela estreie, e devo estar postando a resenha dele por aqui assim que terminar – de preferência antes do dia 31 de março, que é quando a série terá seu primeiro episódeo divulgado!

Vou deixar pra vocês aqui  vídeo divulgado pelo canal da NetFlix Brasil no Youtube! A descrição abaixo é do próprio vídeo. Que aliás, segue muito o enredo do livro no qual a série é baseada. Estou torcendo para que o plot do livro seja seguido, uma vez que achei o livro muito interessante, e já consigo imaginar como certas cenas acontecerão, e de certa forma, criei uma certa expectativa – gigante – pela série.

“Por que uma garota morta mentiria? 13 Reasons Why estreia em 31 de março, só na Netflix.

Baseada na série de livros campeões de vendas de Jay Asher, a série original Netflix 13 Reasons Why acompanha a história de Clay Jensen (Dylan Minnette), um jovem que ao retornar da escola encontra uma caixa misteriosa endereçada a ele em sua varanda. Dentro dela, há fitas gravadas por Hannah Baker—a colega de classe de quem ele gostava e que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, Hannah explica as 13 razões para ter decidido acabar com a própria vida. Será que Clay é uma delas? 13 Reasons Why tem produção executiva de Tom McCarthy, Brian Yorkey, Selena Gomez, Joy Gorman e Kristel Laiblin.”