[Um curta por semana 09] A Pequena Vendedora de Fósforos

thelittlematchgirl-curta

Título: A Pequena Vendedora de Fósforos

Gênero: Animação

Roteiro: Kyoko Yamashita

Direção de Arte: Pilar Prado

Empresa(s) produtora(s): Otto Desenhos Animados Ltda

Adaptação de obra de: Hans Christian Andersen

Composição: Marco Arruda

Animação 2D: Hermes de Lima, Josemi Bezerra

Animação 3D: Matheus Machado, Tobias Führ

Duração: 9 minutos

Ela é apenas uma criança lutando para sobreviver na selva de concreto. Nasceu indesejada, sobrevive de maneira infame e morrerá rejeitada pelo que é. Pobre, suja e sem instrução. Não se trata de crime e castigo, nem sobre vencedores e perdedores. E nem tampouco de vilões e sua pequena vítima. É sobre a natureza humana e sua fraqueza. É sobre todos nós. Esta versão moderna do clássico conto de Andersen mostra alguns males persistentes nas sociedades modernas em vias de desenvolvimento econômico: a infância negligenciada em meio à coexistência brutal de riqueza e pobreza. 

Outro dia postei aqui a resenha do conto “A Pequena Vendedora de Fósforo” e comentei que havia lido que existiam diversas adaptações dele para as telas, inclusive compartilhando uma delas. Porém, eu não contava com o fato de que iria me deparar com uma adaptação em forma de animação e curta-metragem, e muito menos, uma produção nacional.

Esse curta aliás, recebeu diversos prêmios em festivais de cinema, para citar alguns: Melhor Curta – Júri Popular no Festival de Cinema de Gramado em 2014 e Melhor Curta Internacional de Animação no MODIX – Animation Film Festival em 2014, dentre diversos outros.

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

P.S.2: Os curtas ficaram por muito tempo sem serem postados e devo dizer que é por falta de tempo, mas confesso ainda, que tem um pouco –muito– de preguiça minha também. Vou tentar postar esporadicamente, quando encontrar um curta ou outro que ache que valha a pena ser compartilhado.

Anúncios

[Um curta por semana 08] Dia de Los Muertos

dia de los muertos - curta.png

Título: Dia de Los Muertos

Direção e Roteiro: Ashley Graham, Kate Reynolds, and Lindsey St. Pierre da ‘Ringling College of Art and Design”  para sua tese como seniors.

Duração: 3 minutos e 7 segundos

Esse curta que foi um projeto de alunos da Faculdade Ringling de Arte e Design para seu ano como sêniors, retrata a história de uma pequena menina que visita a terra dos mortos, onde ela aprende o verdadeiro significado do feriado mexicano, “Dia de Los Muertos”, ao mesmo tempo em que vive emoções novas ao lidar com a perda de um ente querido.

O curta foi ganhador do prêmio “2013 Student Academy Award Gold Medal”.

Eu acho a cultura mexicana muito interessante, principalmente sobre esse feriado que eles tem para ‘celebrar’ o dia dos mortos, que é um feriado bastante famoso, aliás, bem como o fato de as caveiras ao estilo mexicano terem se disseminado, por seu design super colorido e muito bonito.

Foi legal ter através desse curta, contato com essa cultura e ter uma nova visão sobre essa data tão especial. A animação é muito bonita, rica em detalhes e muita cor, além de trazer a música com ritmo que lembram a cultura mexicana.

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

P.S.: Sem conseguir programar posts no wordpress, o curta dessa semana vem atrasado pois tive um fim de semana bem agitado em que nem tive tempo de usar o computador! A princípio para essa semana queria postar um curta sobre o dia das mães, mas uma amiga querida perdeu o avô esse fim de semana, e esse curta que eu havia assistido tem um tempo me veio à cabeça depois de ter conversado com ela sobre a morte, vida e outras coisas, por isso decidi por ele para essa semana.

 

[Um curta por semana 07] Eu Não Quero Voltar Sozinho

nãoquerovoltarsozinho.jpg

Título: Eu Não Quero Voltar Sozinho

Direção e Roteiro: Daniel Ribeiro

Duração: 17 minutos

Leonardo (Ghilherme Lobo) é um adolescente deficiente visual que em sua rotina conta com a ajuda da amiga Giovana (Tess Amorim). Com a chegada de Gabriel (Fabio Audi) na escola, sua vida muda completamente, pois ao mesmo tempo que tenta inocentemente entender os novos sentimentos despertados pelo garoto, Leonardo tem que lidar com o ciúmes da amiga Giovana.

Eu Não Quero Voltar Sozinho é um curta nacional de roteiro e direção de Daniel Ribeiro, lançado no ano de 2010. Exibido em diversos festivais, recebeu inúmeras premiações.

O curta trata de temas que são normalmente evitados como a deficiência visual, a temática da diversidade sexual, além de abranger temas tão comuns, como a mudança da vida de um jovem da infância para a adolescência, amizades, bullying, etc.

– Longa Metragem –

O curta Eu Não Quero Voltar Sozinho deu origem ao longa metragem Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, do mesmo diretor e roteirista Daniel Ribeiro, que se trata da ‘extensão’ do curta, com a história de seus personagens Leonardo, Gabriel e Giovana, que teve seu lançamento em 2014.

Eu assisti tanto o curta quando o longa e devo dizer que o curta me encantou muito mais do que o longa. Talvez porque no longa seja praticamente o curta com apenas algumas cenas a mais, que de certa forma trazem drama ao filme, mas não necessariamente muito mais conteúdo. Com isso, ao pesar o que ambos os filmes transmitem, devo dizer que acabo tendo preferência pelo curta, por esse despertar tantos sentimentos, contar tudo que precisa, mostrar tudo o que pode, e em tão pouco tempo, envolver o telespectador.

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

 

[Um curta por semana 06] O Ataque do Zezé

oataquedozezé

Título: O Ataque do Zezé

Título Original: Jack-Jack Atack

Produção: Pixar

Gênero: Animação

Duração: 4 minutos e 27 segundos

O Ataque do Zezé é um curta metragem produzido pela Pixar, que foi disponibilizado no DVD do filme Os Incríveis no ano de 2005.

O curta conta a história do bebê da família incrível, que fica um dia com a babá. O que ninguém imagina é que Zezé também possui poderes especiais. E quando este demonstra seus poderes que ainda não controla, deixa a babá de ‘cabelo em pé’.

Estou postando esse curta muito legal em comemoração ao anúncio oficial do lançamento do filme ‘Os Incríveis 2’ que finalmente irá acontecer no dia 28 de junho de 2018 nos cinemas brasileiros!

E, não precisa nem dizer né? Que vindo da Pixar, seja filme, seja curta, a qualidade é garantida!

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

 

[Um curta por semana 04] Sorry I’m Late

sorryimlate

Título: Desculpe-me, estou atrasado

Título Original: Sorry I’m late

Roteiro: Tomas Mankovsky

Gênero: Stop-Motion

Duração: 2 minutos

“Sorry I’m Late” é um curta-metragem do estilo stop-motion que foi escrito e dirigido por Tomas Mankovsky. O filme foi todo gravado com uma câmera parada no teto, em que as cenas são montadas e em seguida reproduzidas.

O curta conta a história de um homem que está atrasado, retratando toda jornada que ele percorre até chegar ao seu destino final. Ao chegar lá, porém, uma pessoa questiona ao ouvir os motivos pelo qual ele está atrasado: “Você espera que eu acredite nisso?”.

É uma forma bem-humorada para retratar como no dia-a-dia, diversas situações inusitadas nos levam ao atraso, e que às vezes, parecem tão absurdas aos ouvidos dos outros, que soam como um bando de desculpas ruins.

Para quem não conhece o estilo ‘stop-motion’, vale a pena dar uma pesquisada, mas se você assistir ao vídeo que eu deixei aqui embaixo, após o curta, há ainda durante os créditos, diversas cenas do making of, que nos dá uma noção desse estilo de filme e ainda, o imenso trabalho que dá fazer algo desse estilo.

Mais informação sobre esse trabalho pode ser encontrado no site http://www.sorry-im-late.com .

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

 

[Um curta por semana 03] A Dama e a Morte (La Dama y La Muerte)

ladamaylamurte

Título: A Dama e a Morte

Título Original: La Dama y La Murte

Roteiro: Javier Recio Gracía

Gênero: Animação

Origem: Espanha

Duração: 8 minutos

Na trama, uma senhora olha saudosa para a fotografia do falecido marido antes de embarcar num sono profundo para finalmente encontrar a morte. Mas um respeitado e famoso médico tem outros planos e, mais por vaidade que por bondade, faz de tudo para impedir isso.

Além de nos fazer refletir frente ao conflito entre alguém querer realmente partir e o dever do médico em salvar uma vida, o curta, feito em computação gráfica, arranca boas risadas com as cenas de batalha entre a morte e o cirurgião. (reitirado do site AnimaMundi)

O curta que eu trago hoje é mais uma animação, no estilo 3D, de duração de 8 minutos que conta de forma divertida os minutos finais da vida deuma senhora.

Este filme se inicia mostrando os momentos de saudade de uma senhora, do ente querido – suponhamos que o marido – que já se foi, para então nos depararmos com o momento em que esta espera por sua vez de fazer a passagem, e assim então poder descansar em paz e ‘reencontrar’ seu amado.

Porém seus planos são frustrados quando um médico – aparentemente muito famoso – a traz de volta a vida. Com bom humor, o curta traz de forma engraçada a briga entre a figura da ‘morte’ e do cirurgião brigando pela ‘vida’ da senhora, que se mostra frustrada toda vez que o médico é bem sucedido.

O filme nos ajuda a refletir sobre a vida e a morte, e ainda, sobre certas decisões que tomamos ante aqueles que amamos. Digo isso pois perdi meus avós não faz muito tempo, e lembro muito bem de quando meu avô, com seus 90 anos, dizia estar esperando apenas a sua vez de ‘ir embora’, toda vez que recebíamos a notícia de algum conhecido que havia falecido. Nós, da família, ríamos, mas fazíamos pouco caso dessas palavras, ao afirmar veementemente que ainda não era a hora.

Às vezes, nos apegamos tanto à vida dos outros, que não vejos o que está além daquilo que podemos ver e sentir.

Eu adorei assistir esse curta pois ele traz uma reflexão e uma lição muito importante, mas com muito humor e de forma muito engraçada, o que deixa essa reflexão menos pesada e de certa forma, mais ‘fácil’ de ser feita.

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.

 

[Um curta por semana 01] Os Fantásticos Livros Voadores do Senhor Lessmore (The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore)

fantasticflyingbooks

Título: Os Fantásticos Livros Voadores do Senhor Lessmore

Título Original: The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore

Direção: William Joyce, Brandon Oldenburg

Roteiro: William Joyce

Gênero: Animação

Origem: EUA

Duração: 15 minutos

Vencedor do Oscar de melhor curta animado de 2012, The Fantastic Flying Books é uma animação adorável, que mostra o poder dos livros sobre nós, e como podem nos mostrar novos mundos, caminhos e direções além daquelas a que estamos acostumados ou treinados a seguir. A história cerca a destruição provocada pelo furacão Katrina, o gigante que arrasou áreas inteiras do sul da Flórida, Nova Orleans, Alabama, Mississipi e Louisiana em agosto de 2005. Mas os diretores William Joyce e Brandon Oldenburg não deram voz à tragédia, antes, procuraram lançar sobre ela a luz encontrada na literatura. Com referências ao furacão de O Mágico de Oz, o Mr. Morris Lessmore do título é arrastado para um mundo onde os livros são vivos, e cada um deles oferece uma viagem à parte para o leitor navegar em suas páginas. A fantasia encontra a paixão pela leitura. Mr. Morris Lessmore, uma representação de Buster Keaton, passa a viver nesse mundo dos livros vivos, e a destruição ao seu redor ganha cor, passa a ser um viés não tão essencial quanto a viagem maravilhosa que a literatura lhe proporciona, inclusive através do prazer de escrever.

O primeiro curta que eu trago para vocês aqui no blog é “Os Fantásticos Livros Voadores do Senhor Lessmore”. Esse curta foi ganhador do  Oscar de melhor curta de animação no ano de 2012.

Nada melhor do que começar essa nova categoria do blog com um curta-metragem que tem como tema a leitura e os livros né?

O curta “Os Fantásticos Livros Voadores do Senhor Lessmore” foi exibido no Anima Mundi 2013, foi inspirado no livro ‘Os Fantásticos Livros Voadores de Modesto Máximo’de William Joyce, que é inclusive diretor do curta, junto com Brandon Oldenburg.

O curta tem início quando uma tempestade arrasta o Sr. Morris Lessmore, levando-o para outra dimensão, junto com sua casa, devastando sua biblioteca, levando ainda as páginas de sua mais recente obra. Com o desastre, o Sr. Lessmore tem agora uma casa cheia de livros voadores e acaba por redescobrir o gosto pela leitura.

E mais, na nova dimensão que passa habitar, de um mundo monocromático e sem graça, Sr. Lessmore passa a apresentar o mundo da leitura para os habitantes, transformando-os em novos leitores, e assim, passando a recolorir a dimensão, antes tão sem graça.

O curta constrói um cenário que muitos passaram a chamar de ‘homenagem à leitura’, em que este demonstra o quanto ler é bom, e que um mundo sem leitura não tem a mínima graça. Ler, explica o curta, traz cores e tons à vida, e os livros são uma fonte de alegria imensurável.

– Assista Aqui –

P.S.: Os vídeos não são meus, estou compartilhando o link de onde assisti para que vocês possam também fazê-lo.